Línguas de imigração

Pomeranos de Espigão do Oeste promovem dois dias de festa para comemorar a imigração

O governo de Rondônia apoiou a Festa Pomerana com a destinação de mais de R$ 20 mil.

Fonte: News Rondônia

Para comemorar e manter viva a tradição dos imigrantes pomeranos, é realizada há 7 anos a Pomer-Fest em Espigão do Oeste. Os pomeranos ajudaram a fundar o município há quase 40 anos. A festa, realizada sábado e domingo (30), reuniu mais de três mil pessoas.

Nos dois dias de festa, houve casamento e dança pomerana, show musical, desfile e escolha da garota pomerana, comidas e artesanatos típicos, competição esportiva da tradição Pomerana e várias apresentações artísticas da cultura deste povo. A apresentação da artista Daniela da Concertina do Espirito Santo foi um dos pontos altos da festividade.

Continue lendo

Mais de 200 línguas são faladas nas casas do Canadá

Fonte: Espanglish

A imigração é atualmente a grande responsável pelo crescimento da população canadense. Com a chegada de imigrantes de várias partes do mundo, é natural também que diversos idiomas comecem a fazer parte do cenário nacional. O idioma mais falado no Canadá, depois do inglês e do francês, é o mandarim. Cerca de 641 mil pessoas. Seguido pelo cantonês e pelo punjabi.

Continue lendo

Lisboa vai receber Enciclopédia do Migrante, projeto que reune 400 histórias de oito países

Uma enciclopédia com 400 testemunhos de migrantes, entre os quais 100 portugueses, vai integrar o espólio da Câmara Municipal de Lisboa, numa iniciativa que reuniu oito cidades de quatro países para trazer um novo olhar sobre as migrações.

O projeto, transnacional e cofinanciado pela União Europeia, junta Portugal, Espanha, França, Inglaterra e Gibraltar, tendo por base um conceito artístico da autoria de Paloma Sobrino, convidada em 2007 para abordar a questão da migração de um ponto de vista mais íntimo.

O início faz-se com migrantes de um bairro em França a escreverem cartas, para progressivamente ir-se alargando até chegar a 400 migrantes de oito cidades (Brest, Rennes, Nantes, Gijon, Porto, Lisboa, Cadis e Gibraltar) em quatro países europeus.

Continue lendo

Equipe do Inventário do Hunsrückisch (hunriqueano) como Língua Brasileira de Imigração (IHLBrI) chega em Piratuba, SC

Equipe IHLBrI em Piratuba, SC.

Equipe IHLBrI na Rádio Piratuba FM. Foto de Vagner Luiz Silva

A chegada da equipe do Inventário do Hunsrückisch (hunriqueano) como Língua Brasileira de Imigração (IHLBrI) em Piratuba, SC, foi cheia de atividades. Primeiro, a equipe participou do programa de entrevistas na Piratuba FM, 104,9 (ouça aqui) em dois dias da campanha de campo, sendo que no primeiro, foi apresentado o projeto e seus objetivos, e no segundo, sobre o andamento dos trabalhos, ouça as entrevistas abaixo

Entrevista 1:

Entrevista 2:

Continue lendo

Inventário do Hunsrückisch (hunriqueano) como Língua Brasileira de Imigração (IHLBrI) continua suas ações

Fonte: Acervo próprio

O Inventário do Hunsrückisch (hunriqueano) como Língua Brasileira de Imigração (IHLBrI) segue em plena execução. Desta vez, a equipe do IPOL responsável por parte das atividades do IHLBrL acaba de voltar da pesquisa em campo na cidade de São Pedro de Alcântara, realizada na primeira semana do mês de julho de 2017.

As atividades foram voltadas para a coleta de informações sobre as línguas e seus usos, visando a compor  o Inventário da língua conforme o Guia INDL, para a qual foram utilizados questionários individuais e sociolinguístico.

Manifestamos nosso agradecimento a todos que nos receberam, e de modo especial, agradecemos o apoio do Prefeito Sr. Ernei José Stähelin, do Secretário de Cultura, Sr. Sérgio Flores, do Coordenador da Casa de Cultura, Sr. Daniel Silveira e do Funcionário da Prefeitura e morador que nos conduziu até as casas, Lucio Erhardt.

Continue lendo

Inventário do Hunsrückisch (hunriqueano) como Língua Brasileira de Imigração (IHLBrI) vai a campo

No último sábado, 20 de Maio, a equipe técnica do IPOL, responsável pela execução do Inventário do Hunsrückisch (hunriqueano) como Língua Brasileira de Imigração (IHLBrI) foi a campo.

Fonte: acervo próprio

Fonte: acervo próprio

O município de Antonio Carlos, Estado de Santa Catarina, faz parte da área de abrangência de Inventário. Assim, foi realizado o primeiro encontro com moradores locais interessados em fazer parte do projeto. Em especial, nessa primeira vez, todos participaram da testagem dos instrumentos de coleta, bem como foi feita a reunião de apresentação de intenções e expectativas.

Ao longo, das atividades, divulgaremos os resultados alcançados.

IMG_5858 IMG_5823 IMG_5825

 

 

Receba o Boletim

Facebook

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo