Língua Portuguesa

Celebração do Dia da Língua Portuguesa e da Cultura da CPLP com 180 iniciativas em 57 países

É no dia 5 de Maio que os nove países com língua oficial portuguesa celebram o Dia da Língua Portuguesa e da Cultura da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva

Foto O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva MIGUEL MANSO

“É o dia que celebra a língua de 261 milhões de pessoas e das muito mais que a aprendem porque pensam que ela é útil como língua de comunicação, como língua de negócios, como língua literária e sempre como língua de cultura”, afirmou esta segunda-feira o ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, durante a apresentação das celebrações, coordenadas pelo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua. Continue lendo

Quase 90% das crianças em Moçambique começam a estudar sem saber falar português

Cerca de 90% das crianças moçambicanas começam a frequentar as aulas sem saber falar a língua portuguesa, o que constitui um obstáculo para o processo de ensino e aprendizagem, indicam dados do Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano. Os dados foram divulgados na quarta-feira durante o Fórum Nacional Bilingue pela ministra da Educação e Desenvolvimento Humano, Conceita Sortone, citada esta quinta-feira pelo diário O País.

A governante entende que esta pode ser uma das causas dos maus resultados nas escolas do ensino primário no país, propondo o ensino bilingue como a solução para o problema. “Um olhar atento sobre as nossas estatísticas permite perceber, claramente, o quanto os nossos concidadãos não podem usufruir dos serviços de saúde, de justiça e acesso à informação porque não conseguem permanecer no sistema de ensino por não saberem falar a língua portuguesa”, disse Conceita Sortone. Continue lendo

Com Maria Bethânia, documentário aborda a literatura e poesia africanas

 

Maria Bethânia está no documentário Karingana. Foto: CineGroup/Divulgação

Maria Bethânia está no documentário Karingana. Foto: CineGroup/Divulgação

Após circular nos festivais de cinema do ano passado, o documentário Karingana – Licença para contar estreiou dia 22/03, no canal Curta!. O filme reúne depoimentos de personalidades como a cantora Maria Bethânia, o angolano José Eduardo Agualusa e os moçambicanos Mia Couto e Mingas, que falam sobre a palavra, a poética e a literatura de países africanos e de como há influência na língua portuguesa. Com filmagens em Moçambique e Angola, o longa-metragem tem direção da pernambucana Monica Monteiro, da CineGroup, também responsável por outras produções de televisão, como os programas Chegadas e partidas e Boas-vindas, ambos exibidos no GNT.
Continue lendo

“Diz lá!”, a aplicação que quer pôr os chineses a aprender português

Afirmam os seus criadores que a “Diz lá!” é a primeira aplicação para o ensino da língua portuguesa destinada a utilizadores chineses. Esta inclui um guia de conversação com temas que vão desde restaurantes, viagens, desporto, o estado do tempo, hospitais, correios e um conjugador de verbos.

Catarina Vila Nova

“Nós havíamos de fazer uma coisa para telefones”, atirou um dia, no decorrer de uma reunião com o Instituto Politécnico de Macau (IPM), o secretário para os Assuntos Sociais e Cultura. Vários meses depois, e com o envolvimento de cerca de 15 académicos, nasceu a aplicação “Diz lá!”, desenvolvida pelo Centro Pedagógico e Científico da Língua Portuguesa (CPCLP). Com 15 mil verbos, 400 dos quais conjugados, e um guia de conversação com 20 temas, esta é a primeira aplicação para o ensino do português, destinada a utilizadores chineses, dizem os seus responsáveis. Continue lendo

Crianças brasileiras preservam a língua e cultura maternas nas Arábias

“Que as crianças brasileiras ou de linhagem tenham oportunidade de conhecer e aperfeiçoar a língua e cultura brasileiras; e também auxiliar as famílias a entender os benefícios da manutenção da língua materna e promover os entendimentos do bilinguismo e do multiculturalismo”, é um dos objetivos da iniciativa A Hora do Conto em Dubai.
Pe. Olmes Milani – Dubai

Um dos desafios que os migrantes e expatriados enfrentam no exterior consiste em como manter viva a língua portuguesa e a cultura nas crianças, uma vez que elas frequentam escolas onde a língua comum é o inglês.  Para enfrentar esse desafio, não podia faltar a criatividade dos brasileiros.  Quem nos fala sobre isso é a Sra. Magaly Quadros.

Continue lendo

“Incompetência intercultural dificulta relações franco-brasileiras”, alerta linguista francês

Depois de passar oito meses em Belo Horizonte, fazendo um estágio na Assessoria de Relações Internacionais do governo do Estado de Minas Gerais, o linguista francês Étienne Clément chegou a uma surpreendente conclusão: quase ninguém que trabalhava no acordo de cooperação bilateral entre Minas Gerais e a região de Haut-de-France, no norte da França, falava francês. Mais tarde, de volta à França, o então doutorando percebeu que a recíproca era verdadeira: ninguém na região de Haut-de-France, encarregado do acordo de cooperação, falava o português do Brasil.

A esse fenômeno, o pesquisador deu o nome de “incompetência intercultural”, um conceito que serve de linha mestra na sua tese de doutorado pela Universidade Franche-Comté, em Besançon. Continue lendo

IPOL Pesquisa

Receba o Boletim

Facebook

Revista Platô

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo