Bilinguismo

[Palmas | TO] MPE lançará curso de Libras para atendimento às pessoas surdas

Capacitação é composta de dez unidades didáticas,

subdivididas em quatro módulos

Da Redação

O Ministério Público Estadual (MPE), por meio do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Cesaf), lançará nesta sexta-feira, 3, o curso de Capacitação em Língua Brasileira de Sinais (Libras). O curso tem o objetivo de qualificar membros e servidores da própria instituição e das instituições parceiras para a melhoria do atendimento às pessoas surdas. O lançamento será às 10 horas, no auditório do MPE, em Palmas.

O curso de capacitação é composto de dez unidades didáticas, subdivididas em quatro módulos. As atividades são ofertadas na modalidade de educação a distância, com carga horária total de 60 horas. Cada unidade conta com material complementar, atividades práticas para autoestudo, exercícios a distância em ambiente virtual próprio do MPE e acompanhamento tutorial por meio de fórum.

O material foi produzido por uma equipe multiprofissional, formada por educadores, intérprete de Libras, fotógrafos, jornalistas, programadores e cinegrafistas que atuam no Ministério Público do Tocantins.

O projeto foi construído utilizando boas práticas e teorias desenvolvidas no Brasil. A partir da análise das demandas e do perfil dos usuários dos serviços do MPE, foi elaborado um vocabulário das expressões mais usuais, que serviu de base para 705 tomadas fotográficas que integram um banco de imagens e ilustram o manual e os demais materiais do curso.

O curso de capacitação em Libras será disponibilizado virtualmente a todos os interessados. De acordo com o coordenador do Cesaf, Procurador de Justiça José Maria da Silva Júnior, a iniciativa é expressão de cidadania. “A Língua Brasileira de Sinais é oficial da comunidade surda do Brasil. Por isso, enquanto fiscal da lei, o Ministério Público deve estar preparado para melhor atender as comunidades de surdos e as pessoas usuárias da Libras”, considerou o coordenador.

Convidados
Entre os convidados para o lançamento do curso estão representantes do Poder Judiciário, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Tocantins, Defensoria Pública do Estado, Tribunal de Contas do Estado (TCE), Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Secretarias Estadual e Municipal de Educação, União Nacional dos Dirigentes Municipais da Educação (Undime) e Conselho Estadual da Educação e representações das comunidades e associações de pessoas surdas. (Com informações da ascom do MPE)

Fonte: CT

Educamemória/FURG promove Projeto de Extensão Memória, Cultura e Promoção da Língua Pomerana

educamemoriaNúcleo Educamemória promove Promoção  da Língua Pomerana

Memória, Cultura e Promoção da Língua Pomerana 2016-2017

Erinung, Kultur un Promotion fon dai Pomerisch Språk 2016-2017

Essa proposta é derivada de demandas do III Fórum Pomersul, realizado em 2014 em Canguçu, especialmente. Demanda sempre presente nos Fóruns do Pomersul (2010-2014), desde o I PomerBR (2011) em São Lourenço do Sul e nas Audiências Públicas do Povo Pomerano (2015-2016).

Este projeto de extensão tem por objetivo promover a Língua Pomerana na Serra dos Tapes por meio de Rodas de Diálogos sobre a Língua Materna e as Políticas Linguísticas de Bilinguismo. Compreender aspectos elementares da epistemologia linguístico-gramatical da língua pomerana. Discutir, compreender e promover a Língua Pomerana, falada e escrita, a partir de uma discussão das políticas linguísticas de Bilinguismo e dos pressupostos da Educação bilíngue na América Latina. O Público Alvo dessa ação são as lideranças locais; professores, membros de associações culturais, membros das comunidades pomeranas, sujeitos de Comunidades e Povos Tradicionais do Pampa, comunidade em geral interessada na temática.

Essa ação é realizada em parceria de co-promoção entre Associação Pomersul, Secretaria de Educação e Esportes de Canguçu, Secretaria de Educação e Cultura de São Lourenço do Sul e Núcleo Educamemória-FURG.

Interessados em participar devem enviar e-mail para: educamemoria@yahoo.com.br, declarando interesse de participação. A partir desse contato serão enviados a ficha de inscrição e o passo-a-passo de cadastramento.

 Fonte: Email de Divulgação

Segunda Circular do XVIII Congresso Internacional da ALFAL

alfalA Associação de Linguística e Filologia da América Latina (ALFAL) divulga a segunda circular de seu XVIII Congresso Internacional, que terá lugar na Universidade Nacional da Colômbia (Bogotá, D. C., – Colômbia) entre 24 e 28 de julho de 2017. O congresso faz parte das comemorações pelo 150º aniversário de fundação da Universidade Nacional da Colômbia.

A organização convoca todos os sócios a participar desta reunião acadêmica, em que se apresentarão trabalhos para discussão e estarão reunidos os projetos de pesquisa da ALFAL. Durante o congresso serão realizadas a assembleia geral ordinária e outras reuniões.

O convite estende-se também a todas as pessoas interessadas em temáticas relacionadas à linguagem e a profissionais de disciplinas afins.

As línguas oficiais do Congresso são o Espanhol e o Português Continuar lendo

“Se habla español”: de lengua vergonzante a cool, Estados Unidos ya es un país bilingüe

Es el segundo país de habla hispana después de México. En 2050, podría ser el primero. Ya no sólo mantienen el idioma las familias latinas sino que lo aprenden los angloparlantes
Por: Gabriela Esquivada 
gesquivada@infobae.com

espaEn el tercer piso del Miami Beach Health Community Center, los dos televisores en la sala de espera transmitían el funeral del beisbolista de los Miami Marlins, José Fernández, en el canal 7. Nadie miraba la lluvia inesperada que caía sobre Biscayne Boulevard; hasta las embarazadas que se acariciaban las barrigas lloraban. Era una ceremonia católica muy esplendorosa, y uno de los sacerdotes oficiaba en castellano: “Era demasiado bueno para esta liga, se fue a una superior”.

—Ey, esto es Estados Unidos, no todo el mundo habla español —se quejó una de las recepcionistas.

—Oye, el otro habla en inglés —le respondió, molesta, la compañera.

La primera, nacida en Haití, que habla inglés y créole, insistió:

—Parece lindo, quiero entender. ¡Es la televisión nacional, tiene que hablar en inglés!

—Escucha: ese habla en inglés. Es una misa bilingüe —intervino la otra, nacida en Cuba, que habla inglés y español. Continuar lendo

Bilingues experimentam uma mudança de personalidade quando utilizam diferentes línguas

bi

bilíngues2 O Segredo – Jovem

As pessoas bilíngues têm sido uma fonte de fascínio por anos, com vários estudos revelando que são mais receptivos, tolerantes e com mente mais aberta. No entanto, o impacto de longo alcance do multilinguismo não termina aí, pois uma pesquisa recente sugere que o comportamento e as perspectivas dos bilíngues também mudam de acordo com a linguagem que usam em um determinado momento.

Entre 2001 e 2003, os linguistas Jean-Marc Dawaele e Aneta Pavlenko entrevistaram mais de mil bilíngues sobre o assunto de se sentir uma pessoa diferente quando falam línguas diferentes. Incrivelmente, quase dois terços confirmaram isso, e a maioria dos entrevistados também enfatizou diferentes traços de personalidade e a expressão de emoções alternativas, dependendo da sua escolha de linguagem.

Continuar lendo

Minedu aprueba política sectorial de Educación Intercultural Bilingüe

mineduDebe cumplirse en todas las entidades del sector educación y en todos los niveles de gobierno

El Ministerio de Educación (Minedu) aprobó la política sectorial de Educación Intercultural y Educación Intercultural Bilingüe, como principal instrumento orientador del sector Educación en los planes sectoriales e institucionales, programas, proyectos y demás actividades relativas a su implementación como parte de la enseñanza en el país.

Según un Decreto Supremo publicado hoy en el Diario Oficial El Peruano, la Política Sectorial de Educación Intercultural y Educación Intercultural Bilingüe es de obligatorio cumplimiento por todas las entidades del sector educación, en todos los niveles de gobierno, en el marco de sus competencias.

Continuar lendo

2º Seminário Nacional dos Movimentos Bilíngue dos Surdos 26 e 27 de Maio, em Balneário Camboriú

cartaz librasDias 26 e 27 de Maio acontece em Camboriú, Santa Catarina, o 2º Seminário Nacional dos Movimentos Bilíngue dos Surdos. Os objetivos do evento é refletir sobre do bilíngue a educação de Surdos no Brasil, promovendo assim a compreensão da LIBRAS, da cultura e das identidades Surdas no campo socioeducacional; promover o debate sobre a língua de sinais, Escritas de sinais, e politicas linguísticas e como elas contribuem significativamente para o processo de escolarização do educando surdo; destacar a importância da educação bilíngue para os surdos, no que tange  seu desenvolvimento cognitivo, afetivo e linguístico  e socializar investigações desenvolvidas na área da educação de surdos com foco em bilinguismo nas redes regulares de ensino.

Mais informações sobre o evento em: http://eventosmaislibras.wix.com/eco-design-pt#!blank-1/c24vq ou no email: eventos.maislibras@gmail.com

Fonte: Divulgação Eventos Mais Libras 

IV Jornadas Internacionales de Lenguas Extranjeras, UNL de Santa Fé, Argentina

1351_acto-de-apertura-jornadas_medium

Foto: Divulgação

  O Prof. Gilvan Müller de Oliveira é convidado da IV Jornadas Internacionales de Lenguas Extranjeras, na UNL – Universidade Nacional do Litoral, em Santa Fé, Argentina, entre 30 de Junio y 1 de julio de 2016. Os organizadores divulgaram a 4a circular: 4a-circular-iv_jornadas-internacionales-de-lenguas-extranjeras-unl.pdf (1) (1) (1)

O evento de 2016 terá como temática central “Políticas lingüísticas y lenguas extranjeras en el nivel superior”. Declarado de interés institucional por Res. Rectoral Nº 788/15 .

Prazo para envio de trabalhos encerra hoje, 2 de maio.

Mais informações sobre o evento: www.unl.edu.ar

FonteUNL/ Divulgação

Surdos discutem Políticas Públicas, Direitos Humanos, Acessibilidade Linguística e lançam o livro Curupira Surdo

libras2

Acadêmicos, Profissionais de todas as áreas, Comunidade Surda, população em geral participam neste sábado, 30,  do 2º seminário em Comemoração ao Dia Nacional da Libras, na Faculdade Católica de Rondônia. Será durante todo o dia, a partir das 9h, com a participação de 250 inscritos. A coordenação é da Associação Projeto Açaí com Libras, através da coordenadora Geral Dulcilene Saraiva Reis.

Continuar lendo

III CIPLOM e III EAPLOM na UFSC, entre 6 e 10 de junho de 2016

Acontece entre 06 e 10 de junho, na UFSC, em Florianópolis, o III CIPLOM  - Congresso Internacional de Professores das Línguas Oficiais do MERCOSUL e o III EAPLOM- Encontro Internacional das Associações de Professores das Línguas Oficiais do MERCOSUL

O Professor e pesquisador Gilvan Müller de Oliveira esclarece os objetivos e a importância do evento no âmbito da Integração Regional e da gestão das línguas no MERCOSUL.

Acesse a entrevista realizada pelo IELA – Instituto de Estudos Latino-americanos:

Mais informações sobre o evento em: http://iiiciplomeaplom.webnode.com/

Email: iiiciplom.iiieaplom@gmail.com

Fonte: IPOL Comunicação

Facebook

Visite site Oficial

1ºENMP (clique na imagem)

Receba o Boletim

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Nossas publicações

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo