Fronteira: IFSul aguarda aprovação de projeto para desenvolvimento de setores estratégicos

O IFSul (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-Grandense) e o Conselho de Educação Técnico Profissional – Universidade do Trabalho do Uruguai (CETP-UTU) devem iniciar em breve um diagnóstico em setores estratégicos visando à qualificação de profissionais na fronteira.

O projeto de cooperação técnica já foi enviado à Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e vai contemplar áreas da indústria naval, logística, agrônica, telecomunicações, aviônica e energias renováveis.

Esse foi apenas um dos assuntos discutidos pelo comitê gestor binacional na 8ª Reunião de Alto Nível da Nova Agenda de Cooperação e Desenvolvimento Fronteiriço Brasil-Uruguai, realizada nos dias 13 e 14 de setembro, em Porto Alegre (RS).

No encontro, IFSul e CETP-UTU elaboraram ainda uma proposta de capacitação na área de fronteira, através de projeto indicado pelo Ministério do Turismo, utilizando recursos do Fundo para a Convergência Estrutural do Mercosul (Focem).

Um grupo de trabalho binacional foi criado para a formação profissional voltada ao Turismo, com representantes do IFSul, CETP-UTU, dos Ministérios da Educação e Turismo do Brasil e Uruguai, das prefeituras e intendências dos dois países. O campus de Santana do Livramento recebeu a proposta para este projeto e fará parte desta equipe.

Foi discutida ainda a implementação do acordo para a criação de escolas e/ou institutos binacionais fronteiriços profissionais e/ou técnicos e o credenciamento de cursos técnicos binacionais fronteiriços e projetos conexos.

A construção de campus do IFSul em Jaguarão, para oferta de cursos binacionais em cooperação com o CETP –UTU, também integrou a pauta da reunião. O professor Ricardo Costa participou do encontro, indicado como diretor da futura escola técnica federal no município.

O comitê participou do Grupo de Trabalho sobre Educação, Formação Profissional e Cultura, que contou com a presença do coordenador-geral de Planejamento e Gestão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Luciano de Oliveira Toledo.

Fonte: IFSul

Deixe uma resposta

IPOL Pesquisa
Receba o Boletim
Facebook
Visite nossos blogs
Clique na imagem
Clique na imagem
Clique na imagem
Visitantes
Arquivo