Congresso internacional A música dos emigrantes alemães fora da Europa nos sécs. XVIII e XIX

Foto: Ceart/Udesc

Foto: Ceart/Udesc

A música dos emigrantes alemães fora da Europa nos sécs. XVIII e XIX
Congresso internacional

Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)
Centro de Artes (CEART); Programa de Pós-Graduação em Música (PPGMUS)
Florianópolis, Brasil, 4 a 6 de maio de 2016

Call for Papers

A prática musical de emigrantes alemães fora da Europa nos sécs. XVIII e XIX tem sido abordada pela musicologia histórica não somente na Alemanha. As práticas da Igreja Moraviana e dos “Pennsylvania Dutch” encontram-se documentadas, reconstruídas e contextualizadas; a vida musical nas colônias no Sul do Brasil do final do séc. XIX tem sido objeto de diversas dissertações nas universidades locais, e também as missões do Império Colonial Alemão na África foram pesquisadas sob o ponto de vista histórico-musicológico.

Todos esses exemplos apresentam, entretanto, dois pontos em comum: até o momento não foram comparados entre si, de forma que semelhanças e divergências nas práticas musicais de migrantes alemães nas novas regiões, culturalmente diversas, pudessem ser discutidas e reconhecidas. Além disso, percebe-se a ausência de uma conexão dessas práticas e desenvolvimentos musicais com uma contextualização da música dos migrantes e seus atores como parte da história da música alemã.

O congresso “A música dos emigrantes alemães fora da Europa nos sécs. XVIII e XIX” convida pesquisadores(as) para um intercâmbio interdisciplinar sobre essas questões. As principais áreas temáticas são as seguintes:

– Colônias alemãs como locais de práticas musicais emigradas: princípios básicos (com referências às colônias nos E.U.A., Brasil, Argentina, Chile, Austrália e China);
– Prática musical de emigrantes alemães nos sécs. XVIII e XIX: atores e redes;
– Obras, estilos, gêneros, instrumentos: transferência e transformação;
– Cultura musical como fator de integração e aculturação: processos e eventos;
– Cultura musical entre segregação e pangermanismo;
– Colônias políticas e protetorados alemães: formas de imigração e prática musical politicamente controladas?
– Música eclesiástica entre serviço comunitário e evangelização.

Os interessados deverão enviar um resumo de aproximadamente 250 palavras e uma breve biografia até 30 de setembro 2015 para os seguintes endereços de e-mail: christian.storch@udesc.br e marcosholler@gmail.com. O resultado será comunicado até 15 de outubro de 2015.

O idioma do congresso é inglês. No momento ainda não temos a confirmação do custeamento das despesas de transporte e estadia, por isso solicitamos que propostas sejam enviadas somente por aqueles que puderem cobrir seus próprios gastos. Prevê-se a publicação dos trabalhos selecionados.

Coordenação:
Dr. Christian Storch (UDESC / Johannes Gutenberg-Universität Mainz)
Prof. Dr. Marcos Holler (UDESC)

Receba o Boletim
Facebook
Visite nossos blogs
Clique na imagem
Clique na imagem
Clique na imagem
Visitantes
Arquivo