Eventos

Lançamento do Documentário Receitas da Memória

IPOL te convida!

rm-convite3-alta2

Todos os particpantes receberão convites pelos correios ou pessoalmente.

Mais informações: ipol.comunicacao@gmail.com | (48) 3234-8056 | (48) 9.9161-1524

IV ENCUENTRO DE LENGUAS INDÍGENAS AMERICANAS (IV ELIA)

2017_03_09
Entre el 20 y el 22 de septiembre, en Santa Rosa de La Pampa (Argentina) se realizará el IV Encuentro de Lenguas Indígenas Americanas ELIA. Adjunto la 2da. circular invitándoles a acompañarnos en este nuevo ELIA. Como en el anterior Encuentro, Bariloche 2013, además de las Comisiones estamos organizando un Simposio sobre “Lenguas indígenas y educación”. Lxs interesadxs en participar en las Comisiones de Ponencias y los Simposios deberán completar la Ficha de inscripción, en la cual se incluye el Resumen de su trabajo, hasta el 30 de abril de 2017.
El correo para mayor información y consultas es: elia4.santarosa@gmail.com
Baixe a Segunda Circular aqui.

International Mother Language | Day 21 February

“On the occasion of this Day, I launch an appeal for the potential of multilingual education to be acknowledged everywhere, in education and administrative systems, in cultural expressions and the media, cyberspace and trade.” — UNESCO Director-General Irina Bokova

Students in a classroom at the Jabalia refugee camp in norhern Gaza Trip. UN Photo/Eskinder Debebe

Students in a classroom at the Jabalia refugee camp in norhern Gaza Trip. UN Photo/Eskinder Debebe

2017 Theme: Towards Sustainable Futures through Multilingual Education

To foster sustainable development, learners must have access to education in their mother tongue and in other languages. It is through the mastery of the first language or mother tongue that the basic skills of reading, writing and numeracy are acquired. Local languages, especially minority and indigenous, transmit cultures, values and traditional knowledge, thus playing an important role in promoting sustainable futures.

International Mother Language Day was proclaimed by the General Conference of the United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization (UNESCO) in November 1999 (30C/62).

On 16 May 2007 the United Nations General Assembly in its resolution A/RES/61/266 called upon Member States “to promote the preservation and protection of all languages used by peoples of the world”. By the same resolution, the General Assembly proclaimed 2008 as the International Year of Languages, to promote unity in diversity and international understanding, through multilingualism and multiculturalism.

International Mother Language Day has been observed every year since February 2000 to promote linguistic and cultural diversity and multilingualism. The date represents the day in 1952 when students demonstrating for recognition of their language, Bangla, as one of the two national languages of the then Pakistan, were shot and killed by police in Dhaka, the capital of what is now Bangladesh.

Languages are the most powerful instruments of preserving and developing our tangible and intangible heritage. All moves to promote the dissemination of mother tongues will serve not only to encourage linguistic diversity and multilingual education but also to develop fuller awareness of linguistic and cultural traditions throughout the world and to inspire solidarity based on understanding, tolerance and dialogue.

Fonte: United Nations

MIS recebe exposição fotográfica e lançamento do dicionário ilustrado ‘Vivenciando Libras’

O projeto “Mais que Mil Palavras”, da Associação Terapêutica de Estimulação Auditiva e Linguagem (Ateal), que consiste em uma exposição fotográfica – realizada por crianças e adolescentes com deficiência auditiva–, e em um dicionário de Libras ilustrado, será lançado em Campinas, no Museu da Imagem e do Som (MIS), neste sábado, 11 de fevereiro, às 16h30.

A mostra, com curadoria de Giovanna Cardin, reúne 170 imagens, divididas entre paisagens, grafismos e perspectivas. É resultado das oficinas de fotografia ministradas pelas fotógrafas Juliana Bueno e Renata Magrin com 11 pacientes da entidade. “O resultado foi a satisfação de cada envolvido no projeto, felizes por compartilhar e interagir com o espectador, revelando suas habilidades de comunicação social e cultural através da fotografia”, afirma a curadora.

O dicionário ilustrado “Vivenciando Libras”, de Amanda Ballarin Dias, conta com símbolos do cotidiano, figuras de linguagem e expressões idiomáticas em Libras, relacionadas à cidade de Campinas. A autora já lançou o dicionário com foco no município de Jundiaí.

O projeto “Mais que Mil Palavras” foi aprovado pela Lei Rouanet – Lei Nacional de Incentivo à Cultura.

Fundada em Jundiaí, em 1982, a Ateal é uma associação civil, assistencial e de pesquisa, sem fins econômicos. É credenciada pelo Ministério da Saúde para atendimento na Rede de Saúde Auditiva, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), para atendimentos a pacientes de Jundiaí e mais 18 municípios da região. A Associação realiza exames em maternidades para detecção precoce da deficiência auditiva em bebês (teste da orelhinha). Possui um Centro Audiológico para realização de exames da audição, para a indicação e adaptação de aparelho auditivo, e participa de programas de saúde ocupacional em empresas para o diagnóstico e conservação da audição. Também desenvolve programas de habilitação e reabilitação em diversas áreas, projetos sociais e de pesquisa financiados por empresas via incentivo fiscal, e oferece cursos em Libras, serviços de interpretação e assessoria nas áreas de atuação e gestão do terceiro setor. (Carta Campinas com informações de divulgação)

Projeto “Mais que Mil Palavras”
Exposição fotográfica e lançamento do dicionário “Vivenciando Libras”
Quando: sábado, 11 de fevereiro, 16h30
Onde: MIS (Rua Regente Feijó, 859. Centro. Campinas)
A exposição fica aberta até 9 de março: terças a sextas, das 10h às 18h.

Fonte: Carta Campinas

ONU promove concurso de redação para jovens universitários

 

Concurso premia redações em línguas oficiais da ONU. Foto: ONU/Loey Felipe

Concurso premia redações em línguas oficiais da ONU. Foto: ONU/Loey Felipe

As Nações Unidas estão com as inscrições abertas para o concurso de redação Muitas Línguas, Um Mundo, voltado para jovens universitários. A iniciativa é promovida pela escola de inglês ELS Educational Services e pelo programa Impacto Acadêmico da ONU.

 

As Nações Unidas estão com as inscrições abertas para o concurso de redação Muitas Línguas, Um Mundo, voltado para jovens universitários. A iniciativa é promovida pela escola de inglês ELS Educational Services e pelo programa Impacto Acadêmico da ONU.

Para concorrer, é preciso escrever uma redação original de até 2 mil palavras discutindo noções de cidadania global e compreensão cultural, abordando a importância do desenvolvimento de habilidades linguísticas. A redação deve refletir o contexto pessoal, acadêmico, cultural e nacional do candidato.

Os participantes precisam ser estudantes universitários, ter mais de 18 anos e autorização formal de um membro da faculdade ou administrador universitário para participar.

O texto deve ser escrito em um dos seis idiomas oficiais da organização, que seja diferente do idioma materno e da língua na qual recebeu educação primária e secundária. As inscrições podem ser feitas até 16 de março.

Sessenta vencedores serão selecionados como delegados para o Fórum Global da Juventude Muitas Línguas, Um Mundo que ocorrerá este ano entre 15 e 26 de julho na Northeastern University (Boston, Estados Unidos). Na ocasião, os jovens criarão planos de ação relacionados à Agência 2030 para o Desenvolvimento Sustentável em uma das seis línguas oficiais das Nações Unidas.

Cada vencedor terá direito a uma viagem paga para Boston e Nova Iorque no período da conferência. Os custos com passagem aérea, acomodações e alimentação serão pagos pela ELS Educational Services.

A iniciativa “Muitas Línguas, Um Mundo” promove o aprendizado continuado das seis línguas oficiais das Nações Unidas: árabe, chinês, inglês, francês, russo e espanhol.

fonte: Nações Unidas do Brasil

1ª Mostra de Cinema Espanhol nas suas Línguas Co-Oficiais em Lisboa

cinema_espanholArranca dia 24 e decorre até dia 14 de fevereiro a 1ª edição da Mostra de Cinema Espanhol nas suas Línguas Co-Oficiais com a exibição de filmes de José Mari Goenaga e Jon Garaño, Ángel de la Cruz Blanco e Lluís Miñarro.

A mostra de cinema, que tem como objetivo mostrar a diversidade criativa das cinematografia nas línguas co-oficiais de Espanha, arranca com a exibição do filme Loreak (Flores), de José Mari Goenaga e Jon Garaño. A obra acompanha a vida de três mulheres com vidas diferentes mas com algo em comum: todas perderam um ente querido. Por esse motivo, cada uma delas recebe, uma vez por semana, um misterioso ramo de flores enviado anonimamente. As três mulheres ver-se-ão afectadas por este presente.

No dia 7 de fevereiro, às 18h30, é exibido Stella Cadente do realizador Lluís Miñarro. Estreado em 2014, o filme é falado em catalão (com legendas em espanhol) e leva o espectador até 1871 quando o rei Amadeo de Saboya, nascido em Itália, chega a Madrid. Nesta altura o país vivia um desequilíbrio político e o seu reino dura somente três sombrios e misteriosos  anos. O final do século XIX é na Europa uma época de romantismo e modernidade. Existe uma grande quebra e conflito de valores, levando a um período muito conturbado, especialmente na Espanha.

A encerrar a mostra, Os Mortos Van Á Présa (2008) pode ser visto no dia 14 de fevereiro às 18h30. A obra em galego (legendada em inglês) de Ángel de la Cruz Blanco segue Irene, uma camionista em viagem para ir buscar marisco a uma vila costeira galega. Contudo, a sua vida não é facilitada quando devido a um engarrafamento acaba por impedir a passagem ao cemitério onde será enterrado o patrão maior dos marisqueiros. Isto traz ao de cima velhas desavenças entre os vizinhos.
As sessões terão lugar no Auditório do Instituto Cervantes de Lisboa, com entrada livre.

A mostra é uma iniciativa da Embaixada de Espanha e do Instituto Cervantes de Lisboa, e as sessões têm lugar no Instituto Cervantes em Santa Marta – Lisboa, e a entrada é livre.

Fonte: Revista Canela e Hortela

UNESCO promove cúpula em Buenos Aires sobre futuro da educação na América Latina e Caribe

Agência Brasil - ABr - Empresa Brasil de Comunicação - EBC

UNESCO promove cúpula em Buenos Aires para discutir futuro da educação na região. Foto: Agência Brasil

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e o Ministério da Educação e Esportes da Argentina realizam esta semana (24 e 25) em Buenos Aires evento que reunirá ministros latino-americanos e caribenhos para discutir o futuro da educação na região.

A UNESCO elogiou os avanços em educação promovidos pelos países latino-americanos e caribenhos na última década, mas alertou que mais esforços devem ser feitos no sentido de se atingir uma educação básica universal. A agência da ONU também enfatizou a necessidade de os países modernizarem seus sistemas educacionais tendo em vista o surgimento de novas tecnologias.

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e o Ministério da Educação e Esportes da Argentina realizam esta semana (24 e 25) em Buenos Aires evento que reunirá ministros latino-americanos e caribenhos, organizações internacionais e da sociedade civil para discutir o futuro da educação na região e formas de atingir os objetivos da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.O evento “E2030: Educação e habilidades do século 21” ocorrerá no palácio San Martín, sede do Ministério de Relações Exteriores da Argentina, e será a primeira cúpula regional sobre o objetivo número 4 da Agenda 2030, que busca garantir educação inclusiva e de qualidade e a promoção de oportunidades de aprendizagem para todos durante a vida.

Durante os diálogos, os participantes receberão detalhes dos objetivos globais e sobre o relatório “Educação 2030 — Diretrizes para a Ação”, aprovado pela comunidade internacional em novembro de 2015 durante o Fórum Mundial da Educação. O documento oferece a governos e parceiros diretrizes para transformar compromissos em ações, de acordo com a UNESCO. A cúpula dará origem a uma declaração final com a visão regional para a educação até 2030, que guiará as estratégias e programas no âmbito nacional. Continuar lendo

Abertas inscrições para 21ª edição do Florianópolis Audiovisual Mercosul

FAM2017-Banner-600x600px-300x300Florianópolis Audiovisual Mercosul (FAM) 2017 recebe até 10 de março as inscrições para as cinco mostras competitivas do Festival. Podem participar documentários de longa e média-metragem, filmes de temática infantojuvenil em todas as metragens, curtas de todos os gêneros, com até 30 minutos de duração, e videoclipes de até cinco minutos. Os filmes inscritos irão concorrer nas seguintes categorias: Mostra de Curtas Mercosul e Catarinense, DOC – FAM, Mostra Infantojuvenil e Mostra Videoclipe. As inscrições são gratuitas no site www.famdetodos.com.br.

O 21º Florianópolis Audiovisual Mercosul será realizado de  20 a 25 de junho, no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Santa Catarina, em Florianópolis.

O FAM é um espaço de formação de público, difusão da produção latino-americana e regional, além da reunião de profissionais do setor. Já são mais de duas décadas de dedicação ao desenvolvimento da cinematografia dos países membros do Mercosul. Continuar lendo

Jornadas Bolivarianas/ XIII Edição – Maio de 2017 – Chamada de Trabalhos

logo.jornadas

Já está aberta a chamada pública para apresentação de trabalhos nas Jornadas Bolivarianas do ano de 2017, que acontecem de 15 a 17 de maio, na Universidade Federal de Santa Catarina.  As Jornadas são o evento anual do Instituto de Estudos Latino-Americanos da UFSC, e na sua décima terceira edição terá como tema: A EDUCAÇÃO NA AMÉRICA LATINA: 100 ANOS DA REFORMA DE CÓRDOBA. Os interessados devem preencher a ficha de inscrição disponível na página do IELA (www.iela.ufsc.br), no enlace “Jornadas Bolivarianas” e encaminhar via o correio eletrônico do Instituto  (iela@contao.ufsc.br) .

Prazo para entrega dos trabalhos: 31 de março de 2017

 APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS:

I – A apresentação de trabalhos acadêmicos nas Jornadas Bolivarianas – 13ª Edição tem como finalidade valorizar a produção e a disseminação do conhecimento no campo da América Latina, bem como oportunizar o intercâmbio de análises e pesquisas sobre o tema;

II – Os trabalhos inscritos deverão abordar assunto relativo aos estudos sobre a América Latina, que problematize aspectos referentes à temática geral das Jornadas.

III – Os trabalhos deverão ser encaminhados ao correio eletrônico do Iela (iela@contato.ufsc.br), junto com ficha de inscrição, disponibilizada ao final destas observações.

IV – Os trabalhos poderão ter mais de um autor, conforme item 8 abaixo.

V – Os trabalhos serão de responsabilidade exclusiva de seus autores, independentemente da instituição a que estejam vinculados. Continuar lendo

(Per)cursos (inter)disciplinares em letras – Linguística e Literatura

conceitual

De 21 a 25 de agosto de 2017 acontecem quatro eventos coordenados, no Rio Grande do Sul, que se unem em torno de uma temática comum: discutir os “(Per)cursos (inter)disciplinares em Letras” face aos paradoxos da atualidade. Organizados pela Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC), por meio do Programa de Pós-Graduação em Letras – Mestrado e Doutorado, dos Cursos de Letras e de Comunicação Social, e o Grupo de Trabalho Linguística e Cognição, da Associação Nacional de Pós-Graduação em Letras e Linguística (ANPOLL) são eles:

  • VIII Conferência linguística e cognição
  • VIII Colóquio nacional leitura e cognição
  • II Simpósio internacional de leitura, literatura e mídia
  • XVIII Semana acadêmica de letras

O objetivo geral dos eventos é contribuir para a reflexão conjunta e a articulação entre pesquisadores da área de Letras – Linguística e Literatura – e de suas interfaces, buscando mapear percursos traçados nas últimas décadas, assim como projetar novos caminhos para que a área continue contribuindo para o desenvolvimento educacional, científico e artístico.  Os investigadores interessados em submeter trabalhos têm até 31 de maio. Continuar lendo

Facebook

Visite site Oficial

1ºENMP (clique na imagem)

Receba o Boletim

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Nossas publicações

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo