As línguas de Montréal: bairros anglófonos & francófonos

Guilherme cursa seu PhD em Linguística na McGill University, em Montréal, Québec, no Canadá. E sua experiência ao residir no Canadá vem alimentando seu blog Life In Canada/La Vie Au Canada. No último dia 2 de julho fez uma interessante postagem sobre a distribuição das línguas em Montreal.

O Canadá é bilíngue. Tudo oficial é escrito em inglês e francês; alunos aprendem [pelo menos] ambas as línguas na escola; há universidades que ensinam apenas em inglês, apenas em francês, ou em ambas as línguas.

Contudo, a língua francesa é quase que exclusivamente falada no Québec. Nas outras 9 províncias, língua inglesa impera—isso significa que se você souber um pouco de francês (além do inglês), isso será um bom diferencial fora do Québec. Aqui, contudo, você terá de saber BEM francês.

Em Montréal, além de inglês e francês, você também encontrará outras línguas—fruto da imigração e da consequente grande diversidade cultural do país (e da cidade!). Basicamente, 70% das pessoas em Montréal fala francês em casa. Ou seja: 70% da população é composta por falantes nativos de francês—muitos deles também falam inglês, mas não conte com isso sempre.

Os 30% restantes dividem-se em dois grupos: falantes de inglês (±15%) e falantes de outras línguas (±15%). Aqui vai a lista com as línguas mais faladas na cidade (Greater Montréal = região metropolitana da cidade, não apenas a ilha).

image

Fonte: Wikipedia

Note que na província do Québec, menos de 10% das pessoas são falantes nativas de inglês. Há várias outras línguas, mas estas são as principais/mais numerosas por aqui.

Se você está vindo para Montréal, talvez uma pergunta importante seja: em que bairro se fala inglês (ou francês)? Sim, há uma certa relação entre bairro e língua, e aqui vai o mapa linguístico da ilha de Montréal.

Vermelho: inglês
Azul: francês
Verde: outra língua

image

 —

Agora, se você tem o endereço de um determinado local, você consegue saber exatamente se aquela região é predominantemente anglófona ou francófona.

Fonte: Life In Canada/La Vie Au Canada

Deixe uma resposta

IPOL Pesquisa
Receba o Boletim
Facebook
Visite nossos blogs
Clique na imagem
Clique na imagem
Clique na imagem
Visitantes
Arquivo