O conteúdo das notícias replicadas por este blog é de responsabilidade dos autores.

PARTICIPE DA NOSSA PESQUISA

Fórum On Line da Diversidade Linguística Brasileira: Talian

Em comemoração aos seus 18 anos, o IPOL tem a honra de anunciar o lançamento do Fórum On Line da Diversidade Linguística Brasileira.

O Fórum On Line é uma iniciativa do Instituto e tem como objetivo conhecer um pouco mais sobre as línguas faladas no Brasil. As informações coletadas estarão disponíveis e poderão apoiar ações em defesa das comunidades linguísticas. Continue lendo

V Jornadas Pedagógicas de Língua Portuguesa

Após o sucesso das Jornadas anteriores, realizadas na Suécia e na Dinamarca, o Centro Cultural Brasil-Finlândia tem a satisfação de anunciar a realização da quinta edição das Jornadas Pedagógicas de Língua Portuguesa na Finlândia. O evento abordará o Ensino do Português na perspectiva de uma língua pluricêntrica e será realizado na Universidade de Helsinque, de 24 a 26 de outubro de 2018. As Jornadas Pedagógicas têm como objetivo geral promover a troca de experiências e conhecimentos científicos entre professores e pesquisadores das especificidades da Língua Portuguesa atuantes no contexto internacional. O tema central será “O status do Português como uma língua pluricêntrica: contextos e práticas”, constituído por conferências, comunicações individuais e mesas-redondas.

As propostas de trabalho devem ser enviadas até o dia 22 de maio de 2018.

Fonte e informações: V Jornadas Pedagógicas de Língua Portuguesa 

Avanço no ensino bilíngue da rede pública da capital é exposto durante maior evento de educação e tecnologia da América Latina

Os investimentos e avanços feitos pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) no campo educacional vêm refletindo em diversas partes do Brasil. Um exemplo disso é a presença do diretor do Centro de Línguas Estrangeiras (Celest) da Secretaria de Educação e Cultura da Capital (Sedec), Jonathan Vieira, que foi convidado para ser um dos palestrantes do maior evento de educação e tecnologia da América Latina que é o Bett Educar 2018. O evento aconteceu nesta sexta-feira (11), em São Paulo.

O tema da palestra foi ‘Educação bilíngue na escola pública: desafios e oportunidades’ onde ele expõe sobre o que vem sendo feito pela PMJP quando se trata de educação bilíngue na rede pública. Jonathan explicou que a Capital da Paraíba virou uma referência na rede pública de ensino em todo o Brasil quando se trata da aquisição de uma segunda língua. Falou também dos investimentos que a PMJP, por meio da Sedec, vem fazendo nessa área como a construção do Celest, parcerias internacionais como a do Consulado-Geral dos Estados Unidos. Continue lendo

Português, uma língua periférica?

Variações no uso da língua portuguesa em diversos países são apontadas como motivo do idioma ainda ficar à margem, segundo especialistas

Barcelona (Espanha) – Embora seja falada por mais de 260 milhões de pessoas em quatro continentes, a língua portuguesa ainda é tratada como um idioma periférico. Isso ocorre inclusive na Espanha, país que divide com Portugal uma fronteira de mais de mil quilômetros.

Essa é a avaliação da maior parte dos especialistas que estiveram no Encontro de Professores de Língua Portuguesa, suas Literaturas e Culturas (Epllic), realizado em Barcelona nos últimos dias 3 e 4 – o Dia Internacional da Língua Portuguesa foi celebrado em 5 de maio. O evento reuniu dezenas de acadêmicos, especialmente da Europa, mas havia também representantes da África e do Brasil.  Continue lendo

6th World Conference on Pluricentric Languages and their non-dominant Varieties

6th World Conference on Pluricentric Languages and their Non-Dominant Varieties

June 21-23 2018, Constantine the Philosopher University in Nitra, Slovakia

The International Working Group on Non-Dominant Varieties of Pluricentric Languages (WGNDV)
in cooperation with Constantine the Philosopher University in Nitra

Saiba mais no site oficial

6th World Conference on Pluricentric Languages and their non-dominant Varieties

‘Dia do Índio’: O que faz o Brasil ter 190 línguas em perigo de extinção

Känä́tsɨ (à esq.) e Híwa falam entre si uma língua que só eles conhecem | Foto: Liames/Unicamp

Moradores da fronteira do Brasil com a Bolívia, o casal Känä́tsɨ, de 78 anos, e Híwa, de 76, são os dois últimos falantes ativos da língua warázu, do povo indígena Warazúkwe.

Os dois se expressam mal em castelhano e português, e conversam entre si somente em warázu – embora seus filhos e netos que moram com eles falem em português e espanhol.

“Aquela casa desperta, para quem entra nela, uma sensação incômoda de estranheza, como se o casal idoso que vive nela viesse de outro planeta, de um mundo que eles nunca poderão ressuscitar”, escrevem os pesquisadores Henri Ramirez, Valdir Vegini e Maria Cristina Victorino de França em um estudo publicado na revista Liames, da Unicamp.

Com ajuda do casal idoso, esses linguistas da Universidade Federal de Rondônia descreveram pela primeira (e possivelmente a última) vez o idioma do povo Warazúkwe. Continue lendo

Portugal quer maior dinamização do Instituto Internacional de Língua Portuguesa

O presidente do instituto Camões defendeu hoje maior dinamização do Instituto Internacional de Língua Portuguesa (IILP), com sede em Cabo Verde, através de “discussões mais substanciais” e de uma “contribuição mais sustentada” para a promoção do Português.

“Portugal entende que há que dinamizar o IILP através de discussões mais substanciais nas suas reuniões, mas também através de uma contribuição mais sustentada para aquilo que é a promoção da Língua Portuguesa”, disse Luís Faro Ramos.

O presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua está em Cabo Verde para participar na reunião ordinária do Conselho Científico do IILP, que decorre até quinta-feira, na cidade da Praia. Continue lendo

IPOL Pesquisa

Receba o Boletim

Facebook

Revista Platô

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo